A Amazonas Energia emitiu uma nota oficial sobre uma FAKE NEWS que está circulando nas redes sociais dos amazonenses. Um leiturista chegou a ser ofendido e coagido no bairro Nossa Senhora das Graças, acusado injustamente de cobrar contas falsas.  “O leiturista estava bastante abalado e sob forte comoção, e informou que estava sendo coagido e pressionado por seis moradores locais, que estavam acusando-o de estar entregando faturas falsas, frutos de denúncias em redes sociais, não permitindo que ele continuasse executando as leituras, e tão pouco pudesse deixar o local. Os moradores acionaram a polícia, que compareceu no local para dar início as investigações e esclarecer os fatos. Após os fatos terem sido analisados, para os policiais e moradores locais, e constatado não haver nenhuma irregularidade, o leiturista foi liberado e continuou seu trabalho. É FAKE NEWS a informação de que houve prisão e Boletim de Ocorrência (BO).”

A Amazonas energia confirma que está modificando a formatação e cor das novas contas de energia, entretanto algumas ainda estão sendo emitidas com a formatação antiga. “Também confirmamos que os códigos de barra da segunda via de contas de energia disponíveis no site desta distribuidora possuem código de barras diferentes daqueles impressos nas contas entregues no local. Solicitamos aos nossos consumidores, que ao terem dúvidas sobre a autenticidade das contas recebidas, entrem em contato com a distribuidora para confirmação e evitem os FAKES NEWS produzidos por pessoas que agem na tentativa de fraudar informações e prejudicar nossos consumidores. Observar também o campo CONTA MÊS de sua conta, nele está indicado a que mês refere-se sua fatura. As contas emitidas com vencimentos acima de 60 dias estão sendo trabalhadas no sentido de vencimento normal.”