A Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) reorganizou a rede de assistência para o atendimento adulto e pediátrico de pacientes com Covid-19.

Além do aumento no número de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Delphina Aziz, que permanece sendo referência adulta no tratamento de Covid-19 e outras Síndromes Respiratórias Agudas Graves (SRAGs), a SES-AM definiu o Instituto da de Saúde da Criança do Amazonas (Icam) como referência para o atendimento infantil da doença.

Organização

O Hospital Delphina Aziz contará com 384 leitos no total, tendo sido realizado um aumento de 20 leitos de UTI, fazendo com que a unidade passe a contar com 90 leitos de UTIs e 200 leitos clínicos para a internação.

Os demais leitos estão destinados ao tratamento de pacientes clínicos pós Covid, que passaram pelo período de transmissão da doença, mas seguem internados tratando sequelas da infecção e, caso haja necessidade, serão redirecionados para novas internações.

Além disso, o Hospital e Pronto-Socorro (HPS) Platão Araújo e o HPS 28 de Agosto também continuam com leitos de UTI, clínicos e salas vermelhas destinados ao atendimento de pacientes com Covid-19, assim como os Serviços de Pronto Atendimento (SPAs) e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Com isso, a rede de saúde conta, atualmente, com cerca de 460 leitos apenas para pacientes com Covid-19.