Amazonino Mendes votou e falou rapidamente com a imprensa. Aos 80 anos, o Negão disse que cada eleição é uma “nova oportunidade de aprendizado para o povo.”. Ele estava acompanhado do vice, Wilker Barreto, e de assessores.

Amazonino deve acompanhar a apuração em casa. Líder de todas as pequisas, disse que estará no segundo turno “tranquilamente.”