Aos 100 anos de idade, o advogado amazonense e ex-combatente da 2ª Guerra Mundial, Mário Expedito Neves Guerreiro, venceu a Covid-19. Ele recebeu alta nessa quinta-feira (25), após passar 40 dias internado com a doença. As informações são do G1.

Nascido em Manaus, Mário Guerreiro é o único vivo dos 160 amazonenses que foram para a Itália participar do maior conflito armado da história.

Mário Guerreiro lutou na Segunda Guerra Mundial em 1944. — Foto: Arquivo Pessoal

Sebastião Guerreiro, um dos filhos do ex-combatente, informou ao G1 que o pai foi diagnosticado com a doença no dia 14 de janeiro. Ele não encontrou leitos disponíveis na rede privada, pois foi o período que Manaus viveu cenas de caos por superlotação de unidades e falta de oxigênio.

Mário Guerreiro completou 100 anos de idade no ano passado. — Foto: Arquivo Pessoal

Então, Mário foi levado a São Paulo e foi internado no dia 16 de janeiro, no Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Ele recebeu alta nessa quinta-feira, e saiu do hospital sob aplausos.