A morto de David Gomes Coelho, conhecido como “Diabinho” que tinha 37 anos, pode estar relacionada a vingança, conforme informações de familiares da vítima.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), registrado na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), a irmã da vítima contou que David foi perseguido e executado por indivíduos desconhecidos, com sete tiros na rua Baviera, comunidade Monte Sião, bairro Jorge Teixeira.

“Era por volta das 3h quando invadiram minha residência. Os criminosos estavam com pistolas e pedaços de madeiras, mas o David não estava lá, estava na quitinete onde morava”, disse a mãe da vítima que se identificou como Esmeralda.

Segundo ela, o filho já estava sendo ‘caçado’, pois na noite anterior ele havia esfaqueado um rival, após se envolver em uma confusão.

Na ocasião do crime, David foi encontrado pelos bandidos sentados em um bar, na mesma localidade onde foi morto. Ao notar a chegada dos homens tentou correr e se esconder dentro de uma vila de quitinetes, nas foi alcançado.  “De acordo com testemunhas os suspeitos estavam em um carro vermelho, mas fugiram sem serem identificados”, explicou o tenente Araújo, da 30ª Cicom.

O corpo de David foi removido para o Instituto Médico Legal. A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) deve investigar o caso.