A Federação Amazonense de Futebol (FAF), governo do Amazonas, por meio da Fundação Amazonas de Alto Rendimento (FAAR) informa que o Campeonato Amazonense teve seu início adiado em uma semana. A abertura, que seria nesta quarta (10), acontece na próxima segunda-feira (15).

A decisão foi tomada em consenso entre as entidades durante reunião realizada nesta segunda-feira (8). Segundo informações da assessoria, um dos principais motivos para adiar a competição é a boa campanha do Manaus FC na Copa Verde, que está na semifinal do torneio regional e inevitavelmente teria a programação de seus jogos afetada por conta do conflito de datas.

Outro principal motivo é o momento pelo qual passa o Amazonas por conta da pandemia do Covid-19. O Boletim Diário de Covid-19, da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas (FVS-AM), divulgado nesta segunda-feira (8), informa o diagnóstico de 919 novos casos de Covid-19, totalizando 283.658 casos da doença no Amazonas.

A programação de jogos será definida de acordo com o desempenho do Gavião do Norte no torneio. O sorteio para determinar o mando de campo do confronto contra o Remo aconteceu na tarde desta terça-feira (9), na sede da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), no Rio de Janeiro (RJ).

Os representantes dos sete clubes participantes do Barezão 2020 se reuniram e foram informados sobre a nova programação. Neste primeiro momento, todas as partidas serão realizadas durante o dia, obedecendo o decreto de restrições imposto pelo governo do Estado.

Fast, Iranduba, Amazonas, Nacional, Manaus FC, Penarol, São Raimundo e Princesa participam desta edição.

O técnico do Naça, Alan George, falou a respeito do torneio de continuação do Campeonato Amazonense 2020. “O adiamento foi bom para a nossa equipe. Estaremos com mais tempo para encaixe do time e ganhamos mais alguns dias para melhor preparado da equipe com entrosamento e principalmente, porque será ‘tiro curto’. Temos que ter uma equipe forte porque será um jogo em cima do outro”, ressaltou.