A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) e a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) realizaram, nesta quarta-feira (7), uma simulação para aprimorar os procedimentos operacionais de combate a alterações no sistema penitenciário.

A operação desta quarta-feira simulou uma crise no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), com fogo em uma das celas e reféns.

Cerca de 300 servidores participaram da ação, que integrou as diferentes forças do Sistema de Segurança, incluindo Polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros Militar do Amazonas, Departamento Estadual de Trânsito (Detran), Departamento de Polícia Técnico-Científica (DPTC), além de órgãos parceiros, estaduais, municipais e federais, como a Polícia Rodoviária Federal, Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU), entre outros.