Na tarde deste domingo (23), os familiares de Alice Albuquerque, de 15 anos, jovem amazonense de Anori morta na Holanda no último dia 12, fizeram um cortejo a pé em direção ao Cemitério São João Batista, na Avenida Alvaro Maia. Com faixas, eles entoavam pedidos de justiça.

O corpo de Alice chegou em Manaus nesse sábado (22) e foi sepultado às 16h deste domingo. A mãe da vítima, Érica Albuquerque, agradeceu pelo apoio para levantar R$ 50 mil gastos no translado da filha, mas fez questão de externar a dor. “Meu coração sangra de saudades”, escreveu.

Alice foi covardemente assassinada por uma “amiga”, a golpes de faca no pescoço, após apanhar dentro da casa da assassina, com apoio da mãe e das irmãs da acusada. “Eu quero justiça. Eu perdi minha filha”, disse Érica durante a semana.