A equipe de investigação do 17º Distrito Integrado de Polícia (DIP), sob a coordenação da delegada Suely Costa, titular da unidade policial, recuperou, ao longo do mês de julho e em diferentes zonas da capital, sete aparelhos celulares oriundos de furto e roubo.

Segundo a delegada Suely Costa, as investigações para localizar os aparelhos celulares iniciaram após o 17º DIP registrar vários Boletins de Ocorrências (BOs) informando sobre os crimes mencionados. “Um fato que chamou a nossa atenção é que 100% dos aparelhos celulares recuperados foram negociados em sites de compra e venda. Então, é preciso informar a população para o cuidado ao comprar equipamentos de telefonia celular por internet”, comentou a titular.

A autoridade policial orienta as pessoas que costumam negociar e comprar aparelhos celulares que é necessário exigir a nota fiscal para comprovar a origem lícita do produto. Costa informa, também, que a pessoa que adquire produtos provenientes de furto ou roubo pode responder pelo crime de receptação.