A designer Emilaine Souza Souza, que tinha 19 anos, foi encontrada morta, com mais de 30 perfurações de arma branca, dentro da própria casa, localizada na rua Barreirinha, bairro da União, zona Oeste de Manaus.

O cadáver da jovem, que morava sozinha, foi encontrado pela irmã dela, que achou estranho ao ver a chave pelo lado de fora da casa. Ao entrar a mulher encontrou o corpo de Emilaine em uma poça de sangue no quarto.

“Chegamos a ouvir gritos vindo de lá, mas não fomos verificar o que era, essa área é muito perigosa, ficamos com medo”, disse um morador que preferiu não se identificar.

De acordo com o Departamento de Polícia Técnico Científica (DPTC), na cena do crime há indícios de que a vítima lutou para sobreviver, mas foi atingida com 35 facadas. O principal suspeito do crime é o namorado dela, identificado apenas com André.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), esteve no local e recolheu imagens do sistema de segurança das redondezas e deve investigar o caso.