A Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal da Mulher, Assistência Social e Cidadania (Semasc), entregou, nesta quinta-feira, (21), cestas básicas a 35 famílias que ocupam o antigo prédio do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), localizado na rua Quintino Bocaiúva esquina com a rua Guilherme Moreira, no Centro Histórico de Manaus.

No local, moram aproximadamente 50 famílias, imigrantes de outros Estados e países, além de pessoas da própria capital, expulsas da invasão Cidade das Luzes e que não tinham onde morar. A ocupação do prédio teve início em 2016.

A atenção às famílias atendeu ofício expedido pela Defensoria Pública da União (DPU-AM), para cadastramento e verificação eventual de estado de vulnerabilidade. Todas as famílias foram orientadas sobre o Cadastro Único e encaminhadas para o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) da área de abrangência.

De acordo com o documento da DPU-AM, o prédio foi destinado para fins habitacionais e será realizada a adequação da estrutura no âmbito do Programa Minha Casa, Minha Vida – Entidades.