O entregador de comidas Felipe Urbano da Silva, que tinha 20 anos morreu na madrugada desta quinta-feira (27), após ser baleado em um bar no beco do Comércio situado no bairro da Compensa, zona Oeste de Manaus.

De acordo com a polícia, um casal que estava com ele também ficou ferido. Testemunhas relataram que o trio consumia bebida alcoólica e que por volta das 3h um pistoleiro chegou e começou a atirar contra ele. Atingindo por 7 dos disparos efetuados, ele morreu no local.

O casal foi socorrido e levado para o Joventina Dias e não correm risco de vida. De acordo com um tio de Felipe, ele trabalhava com ele, não tem antecedentes criminais, mas era usuário de drogas.

 

‘Caboré’ é executado com vários tiros na casa da avó

Mais cedo outro homicídio foi registrado no bairro da Compensa. Arlison Brendo Moraes Paes, o ‘Caboré’ foi executado no Beco dos Escoteiros, após pistoleiros invadirem a casa da avó dele. De acordo com os investigadores que estavam no local, “Caboré” estava em liberdade, utilizava tornozeleira eletrônica e respondia pelo crime de tráfico de drogas.

Os investigadores da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), contaram para a imprensa, que os assassinos são soldados do mundo do tráfico de drogas e não acovardaram quando viram que a vítima tinha entrado dentro de uma residência, invadindo o local, em seguida, executando-o com vários tiros.