A Secretaria Municipal de Educação (Semed) informou que pretende dar continuidade ao ensino remoto, com o projeto “Aula em Casa”. Ainda não há previsão para o retorno às aulas presenciais.

As diretrizes pedagógicas para o segundo semestre de 2020 da rede municipal de ensino foram apresentadas ao Ministério Público do Estado do Amazonas (MPAM). Os representantes do órgão aprovaram o plano e elogiaram a iniciativa.

Um dos objetivos da Semed também é ampliar a inclusão de alunos nas aulas remotas, reforçando a campanha “Nem um a menos”, que arrecada e doa equipamentos tecnológicos para alunos da rede municipal com dificuldades de acesso ao projeto “Aula em Casa”.

Pesquisa de satisfação

Também foram repassados dados sobre a pesquisa de satisfação realizada com 11.870 profissionais da educação, 35 mil alunos e mais de 73 mil familiares, a fim de avaliar sobre as ações realizadas no ensino remoto.

Aproximadamente 70% dos pais e responsáveis avaliaram de bom a ótimo o projeto “Aula em Casa”. Além disso, 96,5% dos professores têm acompanhado as videoaulas, com suas respectivas turmas e 96% avaliaram o projeto de bom a ótimo.

Mais de 70% dos pais e responsáveis responderam que seus filhos participam das atividades do projeto desde o início e 70% informaram que houve organização dos horários e espaços, para que os filhos pudessem estudar.