O Amazonas é destaque nacional, estando no topo do ranking de aplicação de doses das vacinas contra à Covid-19. Desde a chegada da primeira remessa do imunizante ao estado, o Governo tem mobilizado todos os esforços para garantir que os municípios recebam o material para aplicação nos grupos prioritários.

A aplicação é realizada por agentes das secretarias municipais de saúde, e a FVS é responsável pelo armazenamento, distribuição e suporte técnico aos municípios. Na capital, um dos postos de vacinação é o Centro de Convenções Professor Gilberto Mestrinho – Sambódromo, situado na zona centro-oeste. O local, que já funcionou como centro de testagem rápida da doença, atualmente atende exclusivamente profissionais da área da saúde na aplicação do imunizante.

Vindo da cidade de São Luís, no Maranhão, para ajudar no combate à pandemia em Manaus, o enfermeiro Issamer Matos recebeu na manhã de segunda-feira, (15), a segunda dose da CoronaVac, no Sambódromo, que atende na modalidade drive-thru e também pedestres. Ele relata a felicidade de ser imunizado no estado escolhido por ele para exercer a profissão nesse momento.

“Eu vim para ajudar os nossos irmãos manauaras e para mim é muito gratificante estar recebendo a segunda dose porque é uma questão de imunização. Eu gostei muito do atendimento, muito rápido. As pessoas são bem acolhedoras. Por um instante eu achei que não poderia tomar, por não ser daqui, mas por ser a segunda dose, estou sendo muito feliz por estar tomando a segunda dose no Estado do Amazonas, para onde eu pude vir para ajudar a todos, por todos”, destacou Issamer Matos.

Outro ponto de vacinação na capital está situado nas dependências do Centro Cultural dos Povos da Amazônia (CCPA). No espaço, há dois pontos de atendimento, sendo um destinado à aplicação da vacina nos profissionais da área de saúde, outro para os idosos com idades a partir de 70 anos.