Um crime passional que vitimou a adolescent amazonense Alice Albuquerque, 15, natural de Anori, está chocando o Brasil. Ela foi  assasinada em Rotterdam, na Holanda, vítima de uma emboscada montada pela família de uma amiga de escola, uma jovem marroquina de 16 anos.

O crime aconteceu na quarta-feira, mas nesta sexta ganhou repercussão no Amazonas, onde a família tenta trazer o corpo de volta. A amiga de escola, as duas irmãs e a mãe são as acusadas pelo homicídio. A vítima foi atraída para a casa das suspeitas, para que ambas reatassem a amizade abalada.

ESPANCADA E ESFAQUEADA

Chegando à residência onde foi morta, Alice foi trancada dentro do quarto, onde começou a apanhar das duas irmãs. Foi quando a colega de escola apareceu com a faca e deu cinco golpes no pescoço.

Crime tem repercussão internacional nesta sexta-feira

A assassina estaria apaixonada por Alice e não aceitou uma negativa como resposta. Nas redes sociais, um primo lamentou o fato. “É difícil de acreditar, minha ficha ainda não caiu. Minha irmãzinha que eu tanto amava que me dava conselhos e me apoiava em tudo. Eu nunca vou te esquecer minha princesinha, papai do céu está com você agora e você se tornou uma estrelinha… Uma menina jovem cheia de sonhos, na flor da idade, estudiosa, meiga e principalmente do bem, se foi. Isso foi uma tragédia mas saiba que a justiça será feita e toda sua família e amigos não vão deixar isso passar mesmo”.

Até o momento o Itamaraty não emitiu nota oficial sobre os trâmites para que o corpo volte ao Brasil.