Um homem, acusado de estupro, se jogou de um prédio na zona Sul de Manaus, para tentar escapar de policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS). Ele era procurado por se fingir ser uma mulher em um perfil fake em uma rede social para atrair adolescentes com a falsa promessa de emprego para estupra-las.

Conforme a delegada titular da Depca, Joyce Coelho, na ocasião da prisão o homem estava trancado no apartamento dele com uma vítima e se recusava abrir a porta. Para tentar fugir da polícia ele tentou pular pela janelo, mas ao cair no chão acabou se machucando. Ele foi socorrido e levado para uma unidade hospitalar.

 

PERFIL FAKE

Conforme a delegada, usando um perfil feminino em uma rede social ele atraia as vítimas, geralmente adolescentes, ao oferecer emprego. Após o primeiro contato ele marcava entrevista de emprego, ao chegar no local as vítimas recebiam uma proposta de sexo, ao se negarem as garotas eram estupradas e todo o crime filmado.

As imagens eram usadas para chantagear as vítimas a não o denunciar. Ele aproveitava o conteúdo para obrigar as vítimas a encontra-lo novamente e sofrer um novo abuso. Além disso ele roubava o celular das menores.  Ele tem uma ficha criminal extensa e responde por vários estupros, roubo e favorecimento à prostituição.