Vivendo momento de cobranças, Botafogo e Flamengo fazem clássico carioca neste sábado (05), pela 24ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Em terceiro lugar na tabela, o Rubro-Negro vem de duas frustrações em menos de um mês: as eliminações da Libertadores e da Copa do Brasil. Já o Alvinegro luta contra o fantasma do rebaixamento. É o vice-lanterna da competição, com apenas três vitórias em 22 jogos.

Não será desta vez que que o técnico Eduardo Barroca estreará à beira do gramado, na segunda passagem dele pelo Botafogo. O treinador segue se recuperando do novo coronavírus (covid-19), por isso quem estará à beira do campo será o auxiliar técnico Felipe Lucena.

O Flamengo, comandado  pelo técnico Rogério Ceni, o Flamengo só tem o Campeonato Brasileiro pela frente no restante da temporada. O comentarista Waldir Luiz, da Rádio Nacional, diz que apesar dos tropeços o time da Gávea é o favorito.

“No momento o Flamengo é melhor, em que pese as eliminações. O Flamengo tem um time mais arrumado, mais encorpado e com mais opções no banco. Diferente do Botafogo que faz uma campanha muito ruim. O time ainda não se encontrou. O time da estrela solitária já teve quatro treinadores este ano e não consegue se acertar.”

O comentarista Mário Silva, da Rádio Nacional, também vê os rubro-negros com mais força para o confronto desta tarde.

“Olhando para a tabela, o Flamengo está lá em cima e o Botafogo está na zona de rebaixamento. Ou seja, se apontar um favorito pela tabela e pelo time de um e de outro, até mesmo pelo momento vivenciado por ambos, o Flamengo é superior.”

Na última rodada da Série A,  o Flamengo levou a melhor contra o Coritiba: ganhou por 3 a 1, no Maracanã. Já o Botafogo precisa retomar o caminho das vitórias. Nos últimos sete jogos pelo Brasileirão, perdeu cinco e empatou dois. Além disso, o time da estrela solitária, ao lado do lanterna Goiás, em toda a competição foi o que menos conquistou vitórias, três no total. Entretanto, os alvinegros disputaram 22 jogos, enquanto os esmeraldinos entraram em campo 23 vezes.