A deputada Flordelis deu uma entrevista exclusiva ao jornalista Roberto Cabrini, que vai ao ar na segunda-feira (31), e disse que não é o Diabo que estão pintando dela nas redes sociais. Flordelis só não está presa ainda por ter imunidade parlamentar.

Ela é acusada de matar o marido, o pastor Anderson do Carmo, e ainda afirma que irá para o Céu. “Eu só quero que o Ministério Público venha até mim e me diga qual o motivo me levaria a matar o meu marido”, disse. Cabrini, que perguntou a ela se um dia encontráro Anderson do Carmos no Céu ou no Inferno. “No céu com certeza”.

Anderson do Carmos foi morto na porta de casa, com 30 tiros. A polícia afirma que ela e pelo menos oito filhos estão envolvidos no crime. “Eu tenho certeza que minha inocência será provada nos próximos dias”, afirmou. “Eu não matei, eu não fiz isso que estão me acusando”.