O apoio à atividade turística na região Amazônica foi o tema da reunião promovida por videoconferência pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), na tarde desta quinta-feira (20), com atores do setor, como integrantes do Observatório de Turismo (Observatur), Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti-AM), Universidade do Estado do Amazonas (UEA), Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur), Secretaria Municipal de Turismo (Manaustur), Secretaria de Estado da Cultura (SEC-AM), Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) e Prefeitura de Rio Preto da Eva.

Na ocasião, o titular da Suframa, Algacir Polsin, afirmou que tem por objetivo fazer da Autarquia uma apoiadora e facilitadora de ações que contribuam para fomentar o segmento turístico na região, aproveitando a vocação natural da Amazônia e criando oportunidades para gerar empregos, renda e potencializar toda cadeia de serviços que o turismo envolve, como a hotelaria e gastronomia, por exemplo. “Temos diversas propostas em discussão, como a criação de um banco de projetos voltados a diversas áreas, como o turismo, e queremos o apoio de todos para estimularmos ações que desenvolvam esse segmento tão importante”, disse.

O secretário da Sedecti, Jório Veiga, destacou a relevância da parceria da Suframa e reforçou que “o governo do estado tem total interesse em viabilizar ações neste sentido, não apenas para Manaus ou Presidente Figueiredo, rota turística conhecida, mas para vários municípios do interior”.

Os demais atores presentes à videoconferência elogiaram a iniciativa de se promover um encontro para avançar no debate de temas que estimulem o turismo e se colocaram à disposição para colaborar para que ações concretas possam ser efetivamente realizadas.