Construído em 1980 para solucionar os problemas de estacionamento da cidade, o Edifício Garagem, mais conhecido como “Garajão”, será colocado a venda. A decisão foi aprovada esta semana pela Câmara de Vereadores de Manaus.

Localizado no Centro de Manaus com 14 andares e 400 vagas de estacionamento, hoje o imóvel não tem mais serventia para a prefeitura. Segundo nota do prefeito Arthur Neto para a Câmara, as despesas para mantê-lo já ultrapassam as receitas. Fora os problemas de estruturas, um laudo já constatou que o edifício tem problemas elétrico e hidrossanitários.