O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) abriu processo seletivo destinado ao preenchimento de 6.500 vagas temporárias em todo o país, sendo 175 vagas para o Amazonas. São 158 vagas para Agente de Pesquisas e Mapeamento (APM), distribuídas por 12 municípios do Amazonas; e 17 vagas para Supervisor de Coleta e Qualidade, em 9 municípios do Estado.

As inscrições teve início nesta quinta (11), e irão até o dia 26 de março, no site do Cebraspe. A seleção dos candidatos será por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, programada para ser aplicada no dia 2 de maio.

Para os cargos de Agente de Pesquisas e Mapeamento e de Supervisor de Coleta e Qualidade é exigido o Ensino Médio Completo. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais, sendo 8 horas diárias. A previsão de duração do contrato é de até 1 (um) ano, podendo ser prorrogado, conforme inciso II do §1º do art. 4º da Lei nº 8.745/1993.

Os contratados para ambos os cargos farão jus ao Auxílio Alimentação, ao Auxílio Transporte e ao Auxílio Pré-escolar, assim como férias e 13º salário proporcionais.

Agente de Pesquisas e Mapeamento

São 158 vagas para Agente de Pesquisas e Mapeamento (APM), distribuídas por 12 municípios do Amazonas. Em Manaus, estão abertas 122 vagas, sendo 91 de ampla concorrência, 7 para PcD e 33 pessoas pretas e pardas (PPP). As outras vagas estão distribuídas em onze municípios do interior onde o IBGE possui Agência de Coleta: Careiro, Coari, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Lábrea, Manacapuru, Parintins, São Gabriel da Cachoeira, Tabatinga e Tefé.

A remuneração mensal para o cargo de Agente de Pesquisas e Mapeamento (APM) é de R$ 1.387,50.

Supervisor de Coleta e Qualidade

São 17 vagas para Supervisores de Coleta e Qualidade em todo o Estado do Amazonas. Em Manaus estão abertas 9 vagas, sendo 4 de ampla concorrência, 1 para PcD e 4 para pessoas pretas e pardas (PPP). Além das vagas em Manaus, há vagas distribuídas em oito municípios do interior onde o IBGE possui Agência de Coleta: Careiro, Eirunepé, Humaitá, Itacoatiara, Manacapuru, Parintins, Tabatinga e Tefé.