A idosa Marineth Gomes de Abreu, de 66 anos, morreu na manhã desta terça-feira (14), após ser baleada com dois tiros no último sábado (11), na rua Marechal Rondon, no bairro Alvorada, na Zona Centro-Oeste de Manaus, ao tentar impedir a execução do filho dela, Charles Gomes Nunes que foi morto com vários tiros; na ocasião o neto dela também foi ferido.

De acordo com o Boletim de Ocorrência (BO), registrado na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), pela esposa de Charles, no dia do crime ela e o companheiro estavam de saída para buscar o irmão dela quando tudo aconteceu.

No momento em que Charles ia subir na moto, ele foi abordado por três elementos em uma motocicleta (modelo Broz, cor branca) que dispararam contra a vítima. Na ocasião, Charles foi levado a uma unidade hospitalar do bairro Alvorada, onde não resistiu e veio a óbito.

Durante a ação criminosa, Marineth também foi atingida pelos disparos, e após três dias, não resistiu e veio a óbito.