A Secretaria Municipal de Saúde de Manaus informou que está baixa a procura pela vacina nos postos montados na capital pelos grupos prioritários, formados por trabalhadores da saúde e idosos a partir de 70 anos. Na terça-feira (16), foram aplicadas somente 1.728 doses do imunizante. O registro mostra que há baixa procura nos pontos de imunização e isso tem ocorrido desde o dia 9 de fevereiro, um dia após a capital aplicar cerca de 16 mil doses do imunizante. Profissionais de Saúde e idosos com mais de 70 anos de idade são prioridade na campanha, mas, segundo a Secretaria de Saúde do Amazonas (SES-AM), nenhum grupo alcançou a meta da cobertura vacinal de 90%.

A diretora do Departamento de Vigilância Ambiental e Epidemiológica da Secretaria Municipal de Saúde, Marinelia Ferreira, explica que a prefeitura vai reforçar a convocação de quem ainda não tomou a vacina. O vice-diretor de pesquisa e inovação da Fiocruz Amazônia, Felipe Naveca, afirma  que a vacina é extremamente segura e importante para evitar o surgimento de novas variantes do novo Coronavírus.