Um idoso de 62 anos foi internado no Centro Hospitalar de Versailles, em Le Chesnay, na França, após ter uma ereção de quatro horas por conta da covid-19. De acordo com os médicos a doença causa coágulos nos pacientes, com uma alteração no sangue causando trombose nos pacientes. Mas trombose peniana é o primeiro caso relatado cientificamente.

De acordo com a médica Myriam Lamamri, que assina o documento, quando o paciente chegou ao hospital com todos os sintomas, apresentou ainda falha respiratória. Um exame posterior mostrou o priapismo.   Ao contrário do priapismo por algum tipo de dano ao membro, o do paciente foi causado pelo sangue ficar preso nos corpos cavernosos.

Uma bolsa de gelo foi colocada no pênis e, quatro horas depois, os médicos conseguiram sugar o sangue. No líquido, foram encontrados coágulos escuros, que, segundo os especialistas, foi causado pelo coronavírus.

Os médicos injetaram drogas para normalizar o sistema nervoso e deram medicamentos para prevenir os coágulos. O paciente conseguiu se recuperar da Covid-19 e não teve mais priapismo, segundo o artigo da revista científica.