O torcedor Junior Santos de 24 anos, fanático pela seleção Canarinho, se desesperou e caiu no choro após passar horas em pé, embaixo de um sol escaldante para tentar conseguir um dos 300 ingressos que seriam dados para quem doasse sangue na Fundação Hemoam nesta quinta-feira (14).

Em entrevista ao portal de notícias local, o Amazonas Atual, ele chega a dizer para repórter a Alessandra Taveira, que a quantidade de bilhetes disponíveis  é um descaso com quem deixou todos os compromissos de lado para está ali e faz uma prece ao governador: “Queria reivindicar ao governador Wilson Lima mais ingressos, porque o povo fica aqui, se matando no sol e não tem mais ingresso”.

Em meio a soluços ele confessa de coração partido: “Meus sonho é tá na Arena vendo os jogadores que eu sempre vejo pela televisão, mas quando chega aqui não tem mais ingressos”.

Ele finaliza dizendo que perdeu uma entrevista em uma empresa financeira para está ali, tamanho seu amor pelo seleção.