O prefeito Arthur Neto vem cumprindo uma maratona de atleta nos últimos dois meses no comando de Manaus. Inaugurações e fiscalizações de obras ao montes, com direito à uma entrevista para a Revista Veja, que destacou as conquistas de Manaus nos últimos 8 anos. Da Copa do Mundo até a pandemia, Manaus se ergueu e continua de pé.

LEGADO

O primeiro canteiro de obras visitado foi o do Centro Municipal de Convivência da Família e do Idoso, no bairro São José, zona Leste, que está com 60% dos trabalhos executados e na fase de pintura, acabamento de cobertura e finalização do telhado. Manaus não atrasou salários, pagará Fundeb e salário extra em plena pandemia. “Quando vejo a obra imensa desta ‘escolona’, vejo que vale a pena a gente nunca desistir daquilo que queremos. Eu quero o melhor para Manaus, quero o melhor para a educação dos nossos alunos e a obra que eu não conseguir concluir, o povo de Manaus sabe do esforço que estou fazendo todos os dias, sabe que é um legado que estou deixando.”

VIRADA DO ANO NO BATENTE

Arthur estabeleceu como meta seguir suando a camisa até o minuto final. “Eu insisto até o final e nossa luta vai até as 23 horas e 59 minutos do dia 31 de dezembro de 2020, enquanto eu for prefeito de Manaus”, disse ao destacar o legado de obras que está deixando para a capital amazonense. E não são poucas.

MEIO AMBIENTE

Arthur é um nome destacado no cenário nacional e internacional como defensor do meio ambiente. Do Cime, Arthur seguiu para o corredor ecológico do Mindu, uma das obras de maior impacto urbanístico, ambiental e social da gestão municipal. Executada por meio do Programa de Recuperação Ambiental e Requalificação Social e Urbanística do Igarapé do Mindu (Promindu), a intervenção nasceu da necessidade de implantar soluções ambientais corretas na área da bacia do igarapé do Mindu, interrompendo um ciclo de vários anos de ocupação irregular em áreas de preservação permanente. “Visitamos todas as zonas da cidade e agora à noite fiquei feliz ao ver que o trabalho segue durante a noite”, concluiu Arthur.

FUTURO

Arthur sairá da Prefeitura mas não sairá de cena. Daqui a dois anos é nome forte nas eleições, seja para Governador ou para voltar ao Senado. Após 3 mandatos no comando de Manaus, muita experiência acumulada, sem dúvida é um dos quadros mais preparados para contribuir com o pós-pandemia. O futuro a Deus pertence.

NINGUÉM MERECE

Médico estão aflitos com os próximos 15 dias.

Com leitos e ruas lotados, a expectativa é de que não haja como atender todos os doentes.

Enquanto não tiver vacina para todo mundo, essa agonia será eterna.