O empresário Paulo Roberto Moraes Teixeira Júnior, que tinha 29 anos, morreu na madrugada deste domingo (7), após ser atingido com um tiro na cabeça. A principal suspeita de ter cometido o crime é a esposa do rapaz, Cristina D’ávila Teixeira Rodrigues e o crime aconteceu na casa do casal no bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte de Manaus.

Foto: Arquivo pessoal Maskate

De acordo com a polícia militar, testemunhas relataram que o casal iniciou uma discussão e durante a briga a mulher teria pegado a arma, que a vítima guardava na casa, e efetuado o disparo. O fato aconteceu na sexta-feira (5), mas somente com a morte do empresário o crime foi divulgado para a imprensa.

 

Paulo foi socorrido e levado para o Serviço de Pronto Atendimento (SPA) do bairro Galileia para atendimento médico. Entretanto, devido a gravidade do ferimento, foi transferido para o Hospital e Pronto-Socorro João Lúcio, na Zona Leste, onde passou por cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos.