Uma mulher não identificada foi encontrada morta na manhã desta terça-feira (8), no ramal da UG, bairro Tarumã, zona Oeste. De acordo com a perícia ela foi morta com 15 facadas, estava em posição fetal dentro de uma lona e com as vísceras expostas.

A 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), moradores localizaram o cadáver por volta das 11h. A vítima aparenta ter 28 anos e tem tatuagens de flores nas pernas.

O caso será investigado pela Polícia Civil.

 

 

Foto: Divulgação/Mayane Queiroz