Para quem andou sendo vítima de armadilhas e esparrelas da Rede Globo, ainda bem que o presidente Jair Bolsonaro deu uma pausa para fazer uma reflexão mais apurada sobre os últimos acontecimentos. A pressa é perversa inimiga e a perfeição a gente conquista com humildade, dizia o saudoso Manoel da Horas pegando suas desmentiduras, lá pelas bandas da Cachoeirinhas. Na sua sábia avaliação, Manoel e tantos outros manauaras acabaram fazendo exatamente o que ele gostaria e que já foi aqui o que revelado nessa Pesquisa de Opinião Pública e Avaliação MSKTV/LIGA. Com tantas notícias ruins da Globo grudadas em sua imagem, sem querer acabou virando o maior fenômeno de aceitação popular que um presidente da República já teve em Manaus.

 Vox populi vox Dei

 O presidente depois que contraiu o maldito vírus chinês mergulhou em eloqüente silêncio. Mandou apenas suas mensagens via redes sociais tomando e recomendando sua cloroquina e dizer que autoritária é a decisão dos que legislam e decidem contra a Nação. E mais: foram as pesquisas que respaldaram a escolha certíssima do Capitão, ou seja, a vontade popular. E se a voz do povão ainda é a voz daquele lá de cima… resta conferir!

 “Chama o Jair!!!”

 É bem verdade que os números do Governo Wilson Lima e da Prefeitura de Arthur Neto a coisa andou pegando pesado. A bem da verdade, ninguém vai querer se curvar ao que dizem os números e fazer de conta que está tudo bem mesmo a caminho do limbo. Medo, desconfiança, imagem de despreparado e destemperado, são hábitos pessoais, sua relação íntima com poder… o fato é que se não houve qualquer receptividade ao que dizem os números pode pegar o boné e pedir pra sair:  “o governo acabou”, teria dito o vice-governador defensor Carlos Almeida.

 

Au, au!

 Quem não é visto não é lembrado, mas nem a aparição discreta nas calçadas da fama da nossa cidade a dupla Wilson Lima/Carlos Almeida conseguem se mostrar juntos, a impressão que há rompimento velado com a clausura monacal de um governo destruído e sem preparação para influenciar no próximo pleito eleitoral. Como se sabe, o desastre do Executivo frente ao enfrentamento da pandemia foi o grande sinal de que sua excelência estava de mais perdido que “cachorro quando cai do caminhão de mudança” e seu vice como “cachorro em proa de canoa”, com a PF dando rasantes na SUSAM. Ô loco?

A bronca é alta

O silêncio continua e os marqueteiros ou guias espirituais Durango Kid Duarte e Jefferson Malbec Coronel – segundo relato discreto e apreensivo lhe recomendaram prudência e cautela, pois a qualquer momento mais alguma coisa pode espocar por aí. Surpresas serão sempre surpresas e não há como preparar a maneira mais adequada de recepção das ressacas dos vinhos que trazem embutidos em cada golada. Saúde!

Ah, mulheres!!!!

Via internet ou com a segurança do distanciamento social, Josefa Neto não senta as favas, nem segura as piriquitas na Ale. Menos mal porque na CPI da Saúde e da promiscuidade feminina de Alexie Campelo turista brasiliense e da Joana dos Cachorros que vão conseguir isentar o a dupla de estagiários do Palácio da Compensa das apurações que ninguém sabe direito aonde vai dar.

 

Ninguém Merece!!!!

 

  • O que aborrece, entretanto,  Wilson Lima é a iminência do infeliz soltar uma Live para todos os amazonenses contando o que não deve. Aí o rabo vão torcer a porca!
  • Artur Neto agiu direitinho e tirou seu corpo do covideiro. Conseguiu se internar por conta da Covid 19 num hospital de referência em Sampa e a simpatia de quem não suportava mais suas lives nas redes sociais.
  • Eduardo Braga cuja fama de lobo mau é contada por todos os abelinhas vermelhos e alaranjados da Colmeia parece muito inclinado em cair de cadeira na campanha do Negão.
  • Todo mundo sabe e finge que é lorota. Mas o Dudu é enxeridinho mais querido do Mazooca… Pois bem. A retirada do Dr. Deodato tem um lado positivo. Não agrava seu estado de enfermidades, nem sua piromania de última hora.
  • Nem o empurra o Alfredo Buchada Nascimento para os braços do David Almeida, pois de lá veio a ameaça de liquidação de sua carreira liquidada.
  • Foi o Negão que Mateus pariu que o crie. Good weekend, my brother!