O corpo de Gustavo Almeida dos Santos, que tinha 21 anos, foi encontrado neste domingo (9), praia da Ponta Negra, situada na zona oeste de Manaus. O jovem supostamente teria se afogado, mas o do Instituto Médico Legal (IML), registrou a causa da morto como traumatismo crânio encefálico e ação contundente por agressão física.

Conforme o Boletim de Ocorrência (BO), registrado no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), por volta das 19h, o jovem morreu afogado na praia da Ponta Negra, situada na zona oeste de Manaus. Conforme consta no BO, o jovem teria ingerido bebidas alcóolicas, e ao entrar na água para nadar, acabou se afogando e vindo à óbito no local.

No entanto, de acordo com o sistema IML, apurou que o afogamento pode ter sido causado por uma agressão física sofrida pela vítima, segundo exames do perito legista. O caso está sendo averiguado pela Polícia Civil.