A gasolina que está custando o olho da cara do consumidor vai ficar ainda mais cara a partir do dia 3 de agosto. E não por aumento do preço na refinaria. É que a Agência Nacional do Petróleo, a ANP, atendeu a uma pressão das montadoras de carros e definiu, em janeiro, um novo padrão de octanagem para todo o Brasil. A medida entra em vigor no dia 3 e deve aumentar em nove centavos o valor pago na bomba, em média. Ou seja, ganha o dono do posto, ganha o fabricante de carros, e perde você, que já é vítima desse cartel institucionalizado e disfarçado.

CPI PRA QUE?

Em Manaus, faz pouco tempo, vimos um teatro chamado CPI dos Combustíveis. Não em nada. Foi como colocar água no tanque. Pizza pura. O Procon vira e mexe manda notas para a imprensa de fiscalização, mas o fato é que nada acontece. Ou você paga, ou empurra o carro para ele sair do lugar. Os donos de postos soltaram os cachorros para cima de Joana Darc e Alessandra Campêlo, que amansaram. Se cão que late não morde, sobrou uma antirábica no fiofó do povo.

BANZEIRO…

A partir desta quinta-feira as viagens fluviais estão liberadas. O Governo indica que as redes devem ter distanciamento, que não se pode ultrapassar limites de ocupação e que se uma pessoas apresentar sintomas de covid, deverá desembarcar no porto mais perto. Só não se sabe como isso será fiscalizado e cumprido. Vai da consciência de cada um. E pelo que se vê em Manaus, a consciência leva de goleada da covid.

FLAXFLU

Nesta quarta-feira, com transmissão do SBT, tem FlaxFlu valendo título do Campeonato Carioca. É o terceiro em uma semana. Nos outros dois, os bares de Manaus ficaram lotados, com pessoas sem máscaras, amontoadas. Não se teve notícia de fiscalização. Será que a covid é flamenguista?

IMPEACHMENT

Deputados voltaram a discutir a formação da Comissão de Impeachment de Wilson Lima e Carlos Almeida nesta terça. A fome e a vontade de comer foram tão grandes, que na semana passada não deram conta que montaram a comissão sem quórum suficientes. Enquanto isso a dupla segue mexendo suas peças no tabuleiro, onde leva larga vantagem sobre a oposição.

 

NINGUÉM MERECE

Tem ônibus fabricado em 2007  circulando no transporte público de Manaus.

O próximo prefeito terá esse desafio imediato pela frente.

Colocar o Sinetram nos eixos.

Quem conseguir organizar o sistema terá inventado a roda.

E quem apontar a solução certamente terá a preferência do eleitor.