Neste sábado (23), o governador afirmou que o Governo publicará decreto válido a partir de segunda-feira (25). O objetivo é o endurecimento das restrições na circulação de pessoas no Amazonas e tem duração de 10 dias.

As restrições passarão a ser de 24 horas, segundo o governador afirmou, as pessoas só poderão sair para realizar atividades essenciais como ida ao supermercado e atendimento médico.

A partir de segunda (25), o estado passa a ter as seguintes restrições:

  • Supermercados ficam abertos de 6h às 19h, podendo ir somente uma pessoa por família;
  • Farmácias abertas 24h;
  • Serviços de saúde, clínicas veterinárias;
  • Feiras, de 4h às 8h;
  • Restaurantes e bares, apenas em sistema delivery, de 6h às 22h.

Desde o dia 2 de janeiro, por conta de uma decisão judicial, o comércio não essencial está fechado em Manaus.