Há exato um ano, no dia 13 de março, tivemos o primeiro caso de Covid-19 em Manaus. Uma luta que não acabou e que já tirou muitas pessoas queridas do nosso convívio. É, sem dúvida, uma triste lembrança.
”Não só enfrentei essa batalha quando fui prefeito de Manaus, mas também contraindo o vírus. E, assim como tive a sorte de sair vitorioso, meu maior desejo é que no próximo ano possamos, finalmente, comemorar a vitória de todos sobre esse terrível mal que nos assola”, relata Arthur Virgílio Neto.

Um ano de pandemia

A pandemia da Covid-19 completou um ano neste sábado (13), desde o primeiro caso da doença registrado no estado.

“Mulheres e Meninas na Ciência”

Arthur Virgílio Neto relata:” Não paro de receber notícias boas resultantes da exitosa gestão que fizemos, como na área da Educação. É o caso das professoras Heloíza Braz, Núbia Pantoja, Cláudia Barros, Luana Lima, Cássia Daniele Santana e Carina Dias e suas alunas, que foram destaque na premiação “Mulheres e Meninas na Ciência”, da Fapeam. Ao todo, 17 estudantes do Programa Ciência na Escola foram homenageadas por projetos desenvolvidos em 2019. Meu agradecimento, reconhecimento e parabenização por conquistas como essa, sobretudo, aos professores e alunos, e também aos gestores, como a professora Kátia Shweickardt, que fazem Manaus seguir cada vez mais no caminho de uma cidade melhor”.