O vendedor de bombom, Francinaldo Santana Dias de 33 anos foi preso na manhã de hoje (20/08), após ser acusado pela companheira dele, Graciete Leonel da Silva de ter sequestrado e manter em cárcere privado o filho do casal, uma criança de 3 anos. O caso aconteceu na rua Flor de Maracujá, bairro Tarumã, zona Oeste da Capital.

De acordo com o cabo Praia e Marcelo Oliveira da 20ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), ele receberam o chamado para o sequestro de uma criança, ao chegar ao local encontraram uma mulher em uma residência encontraram uma mulher que tentava retirar o filho de lá de dentro. “Ao chegarmos ao local o encontramos muito nervoso abraçado com a criança, sem querer abrir a porta, verbalizamos com ele prometemos que iria manter ele a criança em segurança e ele aceitou abrir a porta”, contou o policial Oliveira.

Ao chegar na delegacia o homem disse que ele, a criança, a esposa e os filhos dela moravam na residência, no entanto os filhos da mulher seriam usuários de drogas e o dinheiro que ele dava para o filho dele era  retirado da criança para ser dado aos irmãos. “O filho dela tava querendo me matar e eu tava só me defendendo lá dentro da casa. Tudo que tem lá é meu, eu que trabalhei para comprar. Os filhos dela tudo vende  droga. Tudo que é do meu filho, ela quer dá para os filhos dela”, contou Francinaldo que revelou que é casado com Graciente há 4 anos e que o menino é o único filho que ele tem.

O casal e a criança foram apresentado na Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).