O pedreiro Jorvanilson Reis dos Santos, que tinha 37 anos, e o filho dele, Rodrigo Junio dos Santos Reis, de 15, morreram na noite desta sexta (13), após receberem uma descarga elétrica em um igarapé do loteamento Rio Piorini, bairro Colônia Terra Nova, zona Norte de Manaus.

De acordo com o relatado por familiares a polícia, o adolescente tentou pegar um atalho (usado pela comunidade) que passa por esse igarapé quando caiu dentro da água. Há algumas semanas um poste de iluminação caiu no local e os cabos elétricos ficaram expostos. O adolescente, sem imaginar o que aconteceria, tentou segurar-se na fiação e acabou eletrocutado.

Os vizinhos correram para chamar o pai dele, Jorvanilson ao ver o filho tentou salvá-lo e acabou eletrocutado também. Os dois morreram vítimas de eletroplessão e descarga elétrica artificial.

Os familiares das vítimas estiveram no IML na manhã de hoje (14), e disseram que pretende procurar a empresa responsável pela fiação.