Sob a coordenação da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), a Polícia Civil, o Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM) e a Polícia Militar deflagram, desde as primeiras horas da manhã desta quarta-feira (02/10), a operação “Sanguessuga” para desarticular uma organização criminosa responsável por fraudar mais de R$ 30 milhões em impostos estaduais e federais no Amazonas. Estão sendo cumpridos 83 mandados de prisão, busca e apreensão em Manaus e no interior.

Mais de 300 agentes da Polícia Militar, Polícia Civil, Detran-AM e SSP-AM estão à procura dos alvos dos mandados prisionais. O secretário de Segurança, Coronel Louismar Bonates, está no comando operacional ao lado da Delegada-Geral da Polícia Civil, Emília Ferraz, do Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Ayrton Norte, do diretor do Detran-AM, Rodrigo de Sá, e do titular da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos, delegado Cícero Túlio.

A operação Sanguessuga é fruto de investigação da DERFV com colaboração do Detran-AM.