O gestor do Posto de Policiamento Integrado (PPI) do Distrito de Cacau Pirêra, Orlando Amaral, revelou na manhã de hoje (14), que a Polícia Civil vai apurar a morte do o investigador de polícia especial, Domingos Sávio do Nascimento Alfaia, que tinha 58 anos e foi encontrado sem vida no prédio da unidade policial, por outros servidores, na manhã desta terça-feira (13/04).

Diante da situação, a gestão do PPI acionou a Delegacia Geral (DG) da PC-AM, por meio do Departamento de Controle Avaliação (DCA) e o Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Amazonas (Sinpol-AM), para comunicar o fato. Ainda conforme o gestor, o Instituto Médico Legal (IML) foi acionado para realizar a remoção do corpo e, posteriormente, elaborar o laudo pericial para determinar a causa da morte.

Sávio era muito querido e respeitado pelos colegas de farda, que ao chegarem a unidade às 7h da manhã já o encontraram na delegacia sem vida. Eles acreditam que Sávio tenha tido um mal súbito. A polícia não confirmou se o agente estava sozinho na unidade.