Foi deflagrada na manhã desta terça-feira (30), no Amazonas, a Operação Apachetas para combate crimes de Tráfico Internacional de drogas, Lavagem de Capitais, e o Comércio ilegal de armas de fogo. Os envolvidos, caso condenados, podem ser condenados até 47 anos de reclusão.

A investigação teve início em 2017, e foi possível identificar e qualificar dezenas de envolvidos que constituíram, no mínimo, 3 associações criminosas com atuação nos estados do Amazonas, Rondônia, Pará e Maranhão, onde as buscas estão sendo feitas hoje.

Os entorpecentes comercializados eram provenientes de países produtores de Cocaína (Peru e Colômbia) com os quais o Brasil faz fronteira.

Cerca de 600kg de Cocaína foram apreendidos desde o início da operação e uma coletiva deverá ser feita para apresentar os resultados.