A polícia finalmente prendeu José Antônio Sousa Melo, 28, o ex-marido que matou com 27 facadas a amazonense Taluany da Silva Rocha, 19, no último sábado (5), na casa onde ela morava em Alto Alegre, Roraima. Taluany lutou pela vida e tentou se defender das facadas, conforme a perícia informou para os investigadores.

O assassino estava escondido na casa de um irmão e se preparava para fugir para Manaus quando foi capturado. E agora vai responder pelo feminicídio.

De acordo com os familiares da técnica de enfermagem eles foram casados por dois anos, mais devido as crises no casamento e as agressividades de José, Taluany achou melhor se separar dele. Fazia dois meses que o casal não vivia mais juntos, mas segundo testemunhas, o infrator constantemente a procurava.

Ela foi encontrada morta na sala da casa dela, pela menos 27 perfurações foram identificadas, a maioria no pescoço.