Um pastor de 48 anos, da Igreja Aliança Evangélica no bairro Santo Antônio, zona Oeste de Manaus, está sendo investigado pela Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (DEPCA), após ser acusado de estupro por quatro rapazes, quando estes, ainda eram crianças.

Os jovens que hoje tem idades de 21, 26 e 29 procuraram a delegacia na última sexta-feira (24). Conforme consta no BO, na época do fato, as vítimas tinham 9, 13 e 16 anos, respectivamente e os abusos aconteciam dentro da igreja ou na casa do pastor.

Todas as vítimas tem relatos parecidos, o pastor ganhava a confiança para se aproximar das vítimas, sempre a primeira investida era um abraço seguido de beijo, diante do desespero das crianças ele dizia que estava tudo bem, que o beijo era um Ósculo Santo (um beijo sem maldade), e a partir daí usava da religião e fazia chantagem emocional e espiritual para manipular as vítimas.

Pelos menos 16 vítimas já teriam sido identificadas. A DEPCA solicitou exame de coito anal nas vítimas e as encaminhou para o Instituto Médico Legal (IML). O caso será investigado.

 

 

Atualizada as 10h08, para correção de informações.