O Instituto Estadual de Defesa do Consumidor (Procon-AM) notificou nesta segunda-feira (20) duas olarias localizadas no Cacau Pirêra, distrito de Iranduba, município a 27 quilômetros de Manaus.

O órgão solicitou aos estabelecimentos informações sobre o preço do tijolo no Amazonas. O valor do produto tem sido alvo de reclamações por parte dos consumidores nos canais de atendimento do órgão.

Na semana passada, o Procon-AM já havia notificado 33 lojas de materiais de construção com pedidos de esclarecimentos sobre os preços praticados na venda não apenas do tijolo, mas também do cimento e de materiais elétricos, desde o mês de março deste ano.