Com 15 metros de altura e 6 de largura, a primeira grande árvore da campanha “Natal do Abraço”, da Prefeitura de Manaus, foi acesa no início da noite deste domingo, 22/11, em ato simbólico, na praça XV de Novembro, a praça da Matriz, em frente à Catedral Metropolitana de Manaus, no centro histórico. A ação, coordenada pelo Fundo Manaus Solidária, também contempla mais três espaços públicos com grandes árvores natalinas, além de decoração em ruas e avenidas da cidade.  “O Natal é sempre um momento de reflexão, união familiar, paz, fé, de saúde e prosperidade. É disso que precisamos, sobretudo neste ano tão difícil para todos nós, que enfrentaram essa terrível doença que é a Covid-19, que perdemos familiares e amigos, e que precisamos superar dificuldades. Como em anos anteriores, não haverá grandes festas, mas essas árvores e decorações natalinas, tão tradicionais na nossa cidade, nos remeterá a um significado profundo de esperança em dias melhores”, refletiu o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto.

 

Segundo a presidente do Fundo Manaus Solidária, a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro, as árvores e decorações do “Natal do Abraço” têm o propósito de cultivar na sociedade os bons sentimentos. “Além de deixar os nossos espaços públicos ainda mais bonitos e cheios de vida, as árvores trazem consigo a mensagem do amor, da esperança e, principalmente, da solidariedade. É importante que, especialmente nesse período festivo ainda em meio à pandemia do novo coronavírus, possamos compartilhar os valores do Natal, sempre lembrando de olhar pelo próximo com mais carinho e atenção”, ressaltou.

Pelo quarto ano consecutivo, o artista plástico parintinense Juarez Lima é o responsável pela concepção da árvore da Matriz e por outras que vão iluminar a cidade nesse período. Batizada como “Árvore da Fé”, o conceito do projeto traz a imagem de Nossa Senhora, incorporada ao design da estrutura da árvore, desde a base até seu ponto mais alto.  “Essa árvore em frente à igreja de Nossa Senhora da Conceição é uma verdadeira contemplação de fé e de esperança em um momento tão difícil pelo qual estamos passando, mesmo que tenhamos passado por momentos extremos ou perdido pessoas especiais. Aqui, onde todos que estiverem chegando e saindo da cidade vão ser recebidos por Nossa Senhora”, explicou Juarez.

Para o pároco da Igreja Nossa Senhora da Conceição, Hudson Ribeiro, que esteve presente no ato de acendimento da árvore, foi uma surpresa maravilhosa. “Quando eu vi a árvore começar a ser montada eu não esperava que me surpreenderia tanto. É um presente para todos e principalmente para os moradores de rua de nossa capital que ficam com o coração preenchido nesse período tão importante em que comemoramos o nascimento no menino Jesus”, comentou, após fazer uma benção na nova árvore.

Além da praça da Matriz, outros locais públicos também receberão as árvores do “Natal do Abraço 2020”. Elas serão erguidas na bola do Produtor, na zona Leste, na avenida Max Teixeira, zona Norte, e no complexo turístico Ponta Negra, na zona Oeste.