Postos de combustíveis de Manaus foram novamente notificados pelo Procon, que pediu explicações sobre os aumentos dos valores da gasolina e do diesel no Amazonas. Os estabelecimentos têm cinco dias corridos para apresentar resposta.

Na semana passada, 57 postos e 5 distribuidoras já haviam sido notificadas. Os mesmos postos foram notificados nesta semana, com a diferença de que o órgão solicitou informações sobre o valor de compra do combustível após o decreto presidencial nº 10.634/21, que dispõe sobre a divulgação ao consumidor dos preços real, promocional e de desconto do produto. Um 58º posto foi acrescentado à lista.

O Procon-AM realiza semanalmente a pesquisa dos valores das gasolinas comum e aditivada, etanol, diesel comum e S10