O rio Negro atingiu a cota de alerta nesta segunda-feira (29). No porto de Manaus, a régua que marca a enchente já chegou a 27,21 metros. Em maio do ano passado, o rio atingiu a marca de 27,19 metros. Detalhe de 2020, é que o rio continuou enchendo até o dia 18 de junho, quando atingiu 28,52 metros.

O prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), mostrou preocupação com a marca atingida. Segundo ele, poderá ser a maior enchente da história.

“Não podemos afirmar, tecnicamente, porém, nas últimas duas maiores enchentes estão em segundo lugar. Seria uma segunda maior cheia da história”, disse.

Almeida aproveitou a oportunidade para anunciar que faria hoje (30), uma reunião com a Defesa Civil, Assistência Social e Secretaria de Obras e Limpeza, para tratar deste assunto.