A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), por meio do Departamento de Inteligência Penitenciária (Dipen), comunicou que está monitorando a ação de familiares – influenciados por grupos criminosos – que planejam uma manifestação em frente à sede do órgão.

A Seap reitera que está à disposição da Defensoria Pública do Estado (DPE) e do Ministério Público do Estado (MPE) para devidas fiscalizações de rotina.