Não levou nem 48 horas para a polícia mostrar aos traficantes quem é que manda no Amazonas. Dois dias após os bandidos matarem dois PMs durante operação no Rio Abacaxis, a 375 Km de Manaus, a policia deu resposta. Um traficante foi morto em confronto e informações ainda não confirmadas dão conta de que seria o líder do grupo, conhecido como Bacurau.  A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) confirmou a morte, mas não a identidade, porém fontes informam que trata-se de Bacurau.

Logo após a morte dos policiais, a SSP mandou reforço para dominar as ações na cidade. Bacurau era apontado como líder do tráfico na região, dominada com bastante violência pelos bandidos.  O cabo Márcio Carlos de Souza e o sargento Manoel Wagner Silva Souza foram vítimas de uma emboscada.