A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) ingressou na segunda etapa do Projeto de Transformação Digital, o qual tem o objetivo de prover serviços públicos digitais com eficácia, eficiência e efetividade, gerando valor público aos usuários. A iniciativa foi oficializada após o titular da Autarquia, Algacir Polsin, assinar eletronicamente o documento durante videoconferência com demais atores do governo federal envolvidos na ação.

A segunda etapa do projeto será desenvolvida entre novembro deste ano e março de 2021 e prevê a realização de 18 ações distribuídas em três eixos: Transformação Digital dos Serviços Públicos; Interoperabilidade de Sistemas; e Unificação de Canais Digitais. As ações serão monitoradas tanto internamente quanto de forma compartilhada, por meio da atuação do Comitê Estratégico do Plano, o qual, além da Suframa, conta com a participação de representantes da Secretaria de Governo Digital do Ministério da Economia (SGD/ME) e da Secretaria Especial de Modernização do Estado da Secretaria-Geral da Presidência da República (Seme/SG-PR).

Na primeira etapa do Plano de Transformação Digital, a Suframa alcançou como principal resultado a disponibilização, entre junho e setembro deste ano, de 23 serviços no Portal Único do governo federal. No mês de abril, a Suframa também já havia realizado a migração do site institucional para o domínio gov.br/Suframa.

De acordo com o superintendente Algacir Polsin, a assinatura da nova etapa do projeto de transformação digital representa o comprometimento da Suframa de que irá dar continuidade à concentração de todos os esforços e recursos necessários ao cumprimento das metas estabelecidas. “Parabenizamos todas as unidades e servidores envolvidos nesse trabalho, que, com certeza, tem dado frutos muito positivos rumo à transformação digital da Suframa e à desburocratização dos seus serviços”, disse Polsin.