Uma travesti que tinha 30 anos, foi morta na madrugada de domingo (29), durante uma briga por ponto de prostituição nas proximidades do Campo do Zezão, localizado na avenida Autaz Mirim, bairro São José Operário, zona Leste de Manaus.

Mikaela, de nome de nascimento Márcio Belchior Monteverde, foi morta com uma punhalada no peito por volta das 3h40. A mãe dela, uma idosa de 62 anos, procurou a Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), para registrar a ocorrência.

A 9ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), atendeu a ocorrência durante um patrulhamento quando visualizou uma aglomeração de pessoas ao constatar do que se tratava, populares informaram um homicídio no local.

Foram acionados os órgãos competentes sendo que, segundo o perito presente ao local, a causa da morte foi por ferimento na região do tórax causado por punhal.