Na madrugada deste sábado (13), uma travesti acabou sendo assassinada com um tiro no tórax dentro de um quarto de motel, na avenida Samaúma, bairro Monte das Oliveiras, zona Norte da capital.

De acordo com funcionários do motel que não quiseram se identificar, o homem chegou ao local acompanhado de uma travesti em um carro modelo Prisma e de cor branca. O casal passou alguns minutos no quarto e em seguida o homem assassinou a vítima com tiro no tórax.

Após o crime funcionários do hotel ficaram apavorados pelos barulhos dos disparos de arma de fogo e em seguida se esconderam. O suspeito de matar a travesti saiu do quarto e decidiu fugir da cena do crime. Ele acelerou o carro contra o portão do motel que permanecia bloqueado e arrombou a estrutura deixando o cadáver para trás.

Câmeras de segurança do local flagraram o momento em que o homem sai do carro pra tentar o desbloqueio do portão com as próprias mãos, e nas imagens é possível perceber uma tatuagem no ombro do homicida.

A polícia acredita que o homem envolvido no assassinato seja um cabo da polícia militar que estaria afastado da 12ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). Até o momento o nome e o paradeiro da vítima seguem em mistério.

O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) investiga o crime.

Um vídeo o assassino foi registrado:Veja

trim.F9F47A8E-5077-4BD8-9541-D758BEAC4770