Felipe Ferreira de Brito, conhecido como Messi, que tinha 22 anos, morreu ao trocar tiros com policiais militares da Ronda Ostensivas Cândido Mariano (Rocam). A troca de tiros aconteceu na rua Prosperidade, bairro Compensa, na zona Oeste da capital, no início da tarde desta segunda-feira (16).

Segundo o Boletim de Ocorrência (BO), registrado no 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP), no dia 16/11/2020, às 16h35, policiais militares informaram que, após receberem denúncia sobre um indivíduo que estaria vendendo droga e ameaçando moradores das imediações do local acima mencionado, uma viatura se deslocou até o endereço delatado.

Na ocasião, a equipe foi recebida por disparos de arma de fogo efetuados pelo infrator, que estava em uma residência abandonada.

Diante das circunstâncias, os policiais revidaram e acabaram atingindo Felipe. Os PMs chegaram a prestar socorro ao indivíduo, que foi encaminhado para uma unidade hospitalar, mas não resistiu e veio a óbito. Ainda na residência abandonada, a equipe policial encontrou drogas, munições e a arma de fogo utilizada por Felipe.

Ele foi levado para o SPA Joventina Dias, mas foi a óbito. Familiares do homem estiveram no Serviço de Pronto Atendimento (SPA) para os procedimentos necessários. O corpo foi removido pelo Instituto Médico Legal (IML) e o caso foi registrado no 19o Distrito Integrado de Polícia (DIP).